: Ремонт ноутбуков hp pavilion. Ремонт ноутбуков hp своими руками. Ремонт клавиатуры ноутбука hp. Сервисный центр samsung ремонт планшетов. Быстрый ремонт планшетов samsung. Ремонт планшетов samsung galaxy tab. Штукатурка стен своими руками. Качественная венецианская штукатурка своими руками. Наружная штукатурка своими руками.
Смартфон samsung galaxy отзывы. Хороший обзор смартфонов samsung galaxy. Смартфон samsung galaxy ace 2. Горнолыжные курорты италии отзывы. Лучшие горнолыжные курорты италии. Горнолыжные курорты италии фото. Лазерная коррекция зрения. Качественная коррекция зрения стоимость. Операция по коррекции зрения. Язык программирования python. Учим python быстро. Весь язык python с нуля. Лечение сетчатки глаза. Нервный тик глаза лечение. Болезни глаз лечение.



Mensagem do Vaticano relativamente à 'Id al-Fitr

Da autoria de Monsenhor Michael L. Fitzgerald
Pres. do Cons. Pontífice para o Diálogo Religioso
sexta-feira, 12/11/2004

Caros amigos Muçulmanos,

Agora que se preparam para festejar o fim do mês do Ramadão, com a celebração da 'Id al- Fitr, uma vez mais, como faço anualmente, apresento-vos os melhores votos do Conselho Pontífice para o Diálogo Inter-Religioso, ministério de Sua Santidade, o Papa, para as relações com pessoas de outras religiões. Nas suas preces, muitos foram os Cristãos que pensaram em vós e vos acompanharam neste período de jejum, o qual ocupa uma posição tão importante na vida da vossa comunidade. Logo que possível, vós ensinais aos vossos filhos a respeitarem este mês de jejum, assim desenvolvendo neles o sentido de Deus, a submissão à religião e, ao mesmo tempo, a vontade e o domínio de si mesmo. Deste modo, a família constitui o lugar de excelência para a educação religiosa inicial dos vossos filhos.

Hoje, gostaria de chamar a atenção para as crianças em geral e para o acolhimento que estas deverão receber, nas diversas etapas da sua vida, por parte dos seus pais, da sua família e de toda a sociedade. A criança tem o direito imprescindível à vida e, dentro do possível, de ser acolhida por uma família natural e estável. Do mesmo modo, tem o direito de ser alimentada, vestida e protegida. Além disso, tem o direito de ser educada, de modo a que todas as suas capacidades se desenvolvam e, mais tarde, ela própria proceda a esse mesmo desenvolvimento. Nesta perspectiva, a criança tem o direito a receber tratamento, caso adoeça ou seja vítima de algum acidente. A vida da criança, assim como a vida de qualquer outro ser humano, é sagrada.

Vós entendeis as crianças como uma benção de Deus, especialmente para os pais das mesmas. Nós, Cristãos, partilhamos desta mesma perspectiva religiosa. Mas, a nossa fé Cristã, ensina-nos também a descobrir na criança um modelo para as nossas relações para com Deus. Jesus indicou-nos, como exemplo, a simplicidade da criança, a sua confiança, a sua docilidade, a sua alegria de viver, dizendo-nos, assim, que devemos viver numa submissão confiante em relação a Deus, vendo n'Ele um Pai.

Nos últimos anos, e em diversas ocasiões, encontrámo-nos lado a lado em várias instâncias internacionais, onde confirmámos ou defendemos os valores humanos e religiosos fundamentais. Muitas vezes, o que estava em causa era a defesa dos direitos dos mais fracos, especialmente os da criança, desde o momento em que esta é concebida, até ao momento em que nasce.

Se pelo em diversas partes do Mundo, e relativamente a determinados aspectos, a criança beneficiou do respeito para com os Direitos do Homem, ela continua, todavia, a ser vítima de diversos males. Muitas são as crianças ainda sujeitas a trabalhos penosos, os quais comprometem o seu desenvolvimento físico e psicológico, impedindo-as de frequentar a escola e receberem a instrução a que têm direito. Muitas outras são recrutadas e envolvidas em guerras e conflitos. E foi nelas que o aumento dos abusos sexuais e da prostituição, verificados nos últimos anos, encontrou as suas principais vítimas. A criança tornou-se, principalmente, a nova vítima de determinadas mutações verificadas nas nossas sociedades. De facto, quando a família se separa, é a criança a primeira a sofrer. O desenvolvimento do tráfico e o consumo de droga, especialmente em países pobres, faz-se, muitas vezes, às suas custas. O ignóbil tráfico de órgãos humanos atinge particularmente as crianças. Frequentemente, a tragédia da Sida faz delas pequenos seres contaminados assim que nascem.

Face a todos estes males que atingem as nossas crianças, prezados amigos Muçulmanos, devemos unir esforços, recordando a dignidade de todo o ser humano, cuja existência é da vontade do próprio Deus, denunciando ininterruptamente tudo aquilo que degrade a criança e lutando, com todas as nossas forças, contra estas "estruturas de pecado", citando, aqui, uma expressão utilizada pelo Papa João Paulo II. Temos perfeita consciência de que o futuro de toda a Humanidade depende do futuro das crianças. Assim sendo, espero que a nossa cooperação ao serviço das crianças continue e, inclusive, se desenvolva, proporcionando, assim, à Humanidade de hoje, uma das provas do carácter benéfico da religião para toda a comunidade humana.

Que neste mês do Ramadão, possam as vossas crianças sair fortalecidas com o cumprimento de obras be- néficas! Que elas aprendam, também, a resistir às felicidades ilusórias e aos prazeres efémeros, de modo a conquistarem uma liberdade interior e a melhor se submeterem a Deus! Que elas concedam, assim, um testemu- nho da importância dos valores religiosos! Uma vez mais, afirmo a minha oração a Deus Todo-Poderoso e Misericordioso, por vós e pelas vossas crianças em particular. Que Ele derrame sobre vós as Suas benções, fortifique as vossas famílias e as torne magnânimas e que Ele conceda, a cada um de vós, a Sua paz!





Created & Design by MaiLayout